segunda-feira, 20 de janeiro de 2014

Está começando a campanha Globe at Night 2014!

O projeto de ciência cidadã Globe at Night conta com a sua colaboração para ajudar a estimar e monitorar o impacto da poluição luminosa no planeta.  

Os detalhes do projeto foram explicados neste postA ideia é observar uma constelação específica de fácil identificação, como Órion ou o Cruzeiro do Sul, e contar quantas estrelas são visíveis do local onde o observador (você mesmo!) mora ou por onde estiver passando. Depois é só relatar as observações pelo aplicativo na página do projeto, que este ano pode ser encontrado também em português. Assim, forma-se uma grande base de dados para diversas pesquisas e trabalhos de conscientização pública sobre os riscos da iluminação artificial irracional.

A campanha de 2014 começa na segunda, dia 20 de janeiro, com muitas novidades. Além de uma nova página na internet, agora as observações podem ser feitas durante o ano inteiro. Veja na imagem abaixo as datas das campanhas.



Datas das campanhas de observação para o projeto Globe at Night 2014 e mapa com os dados enviados durante 2013. Os brasileiros precisam contribuir mais! O arquivo em pdf pode ser encontrado aqui.

É muito fácil participar! Para cada constelação selecionada para o projeto e visível no Hemisfério Sul (ou seja, no Brasil) existe um guia de atividades em português, graças à colaboração de voluntários que traduzem o material original para diversas línguas. Seguem os respectivos links:

* Órion (constelação sugerida para as observações entre 20 e 29 de janeiro, 19 a 28 de fevereiro e 21 a 30 de março);
* Cruzeiro do Sul (observações entre 25 e 29 de março, 20 a 29 de abril e 19 a 28 de maio);
* Escorpião (observações entre 17 e 26 de junho e 16 e 25 de julho);
Sagitário (para as campanhas entre 15 a 24 de agosto, 15 a 24 de setembro e 14 a 23 de outubro);
* Baleia (entre 11 e 21 de novembro e 11 e 20 de dezembro).


Localizar Órion para participar da primeira parte da campanha é simples: essa é a constelação que contém as estrelas popularmente conhecidas como as 'Três Marias'. Está visível logo ao anoitecer, como mostra a simulação abaixo, feita com o programa gratuito Stellarium.


Logo ao anoitecer, olhando para a direção Leste, é possível observar a constelação de Órion, cujo cinturão é formado pelas estrelas conhecidas como as 'Três Marias'. Aproveite a oportunidade para observar Júpiter, convenientemente próximo ao primeiro alvo da campanha Globe at Night 2014 no Hemisfério Sul. Simulação feita com o programa gratuito Stellarium.



O dados obtidos através dos aplicativos 'Dark Sky Meter' e 'Loss of the Night', para iOS e Android, respectivamente, também são incluídos na base de dados do Globe at Night.


Outros posts já publicados no blog sobre o projeto podem ser consultados neste link.

O Globe at Night pode ser acompanhado através da sua página na internet, twitter ou no facebook.


0 comentários:

Postar um comentário

Página de notícias sobre Poluição Luminosa (PL), mantida pela astrofísica Tânia Dominici.

Pesquisar no blog

Pesquisar este blog

Translate

Translate


Arquivo do Blog
Marcadores

Marcadores

Alemanha (1) Aneel (1) animação (2) Ano Internacional da Luz (17) aplicativos (3) astrofotografia (11) astronomia (2) Banco do Brasil (1) Ben Canales (1) bioluminescência (1) Brasília (1) Brazópolis (2) Calgary (1) Canadá (2) câncer (1) Chile (1) China (1) Christina Seely (3) ciência cidadã (7) Cingapura (1) Cosmic Light (7) Dark Sky Meter (3) David Oliver Lennon (1) Declaração de La Palma (1) Deutsche Welle (1) diabetes (1) Doha (1) emissão de carbono (1) EUA (3) Evitando gerar Poluição Luminosa (3) f.lux (1) França (3) Futurando (1) gif animado (1) Globe at Night (9) Glowee (1) Hillarys (1) Hong Kong (1) Hora do Planeta (2) IAU (1) Ibram (1) ICOMOS (1) IDA (4) Ilhas Canárias (1) iluminação pública (7) impactos ambientais (9) impactos econômicos (6) impactos sociais (7) Itajubá (3) IYL2015 (15) José Cipolla Neto (1) LED (5) legislação (8) Londres (3) Los Angeles (1) Loss of the Night (3) Luz Cósmica (6) Mariana Figueiro (1) Mark Gee (1) MAST (1) Mauna Kea (1) melatonina (1) monitoramento (10) Mont-Mégantic (1) NASA (1) Natal (2) Nicholas Buer (1) Nova Iorque (2) novas tecnologias (1) obesidade (1) Olivia Huynh (1) OPD (13) orientações (5) Oriente Médio (1) pássaros (1) poluição luminosa (47) Pouso Alegre (1) Prêmio Nobel (1) projeto Tamar (1) Reino Unido (1) Rio de Janeiro (4) Rio+20 (1) Rothney Astrophysical Observatory (1) Santa Rita do Sapucaí (1) São Paulo (1) saúde humana (1) SciShow (1) semana de museus (1) simulação (2) SNCT2015 (2) SQM-L (2) Sriram Murali (1) tartarugas marinhas (1) Telluride (1) Thierry Cohen (4) UAI (2) UNESCO (1) vídeo (1) VIIRS (2) What you can do (1) WWF (1) Zijinsham Observatory (1)
Número de visitantes

Total de visualizações de página