quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

França cria lei para diminuir o consumo de energia elétrica e a poluição luminosa

A partir do início de julho, todos os imóveis não residenciais da França deverão desligar as luzes do seu interior até uma hora depois da saída do último funcionário. As luzes externas serão desligadas até 1:00 h da manhã.


A lei preserva datas festivas, como o Natal, eventos e todos os serviços necessários para a segurança da população. Ou seja, determina o que deveria ser o lógico: a iluminação artificial só deve ser utilizada quando e durante o período de tempo em que for realmente necessária.


A expectativa é de economizar anualmente o equivalente ao consumo de energia elétrica de 750 mil residências.


A ministra do meio ambiente, Delphine Batho, afirmou que a legislação coloca a França como pioneira na prevenção  da poluição luminosa, que perturba os ecossistemas e o sono das pessoas.

Ainda não conhece os impactos da iluminação artificial irracional? Veja na nossa página sobre poluição luminosa.


Ah! As luzes de Paris... Mas, cadê as estrelas?! (Crédito: T. Dominici).


Acesse também as notícias originais do jornal britânico Telegraph: "Paris, the City of Light to be plugged into darkness?" e "France to have lights turned off".





0 comentários:

Postar um comentário

Página de notícias sobre Poluição Luminosa (PL), mantida pela astrofísica Tânia Dominici.

Pesquisar no blog

Pesquisar este blog

Translate

Translate


Arquivo do Blog
Marcadores

Marcadores

Alemanha (1) Aneel (1) animação (2) Ano Internacional da Luz (17) aplicativos (3) astrofotografia (11) astronomia (2) Banco do Brasil (1) Ben Canales (1) bioluminescência (1) Brasília (1) Brazópolis (2) Calgary (1) Canadá (2) câncer (1) Chile (1) China (1) Christina Seely (3) ciência cidadã (7) Cingapura (1) Cosmic Light (7) Dark Sky Meter (3) David Oliver Lennon (1) Declaração de La Palma (1) Deutsche Welle (1) diabetes (1) Doha (1) emissão de carbono (1) EUA (3) Evitando gerar Poluição Luminosa (3) f.lux (1) França (3) Futurando (1) gif animado (1) Globe at Night (9) Glowee (1) Hillarys (1) Hong Kong (1) Hora do Planeta (2) IAU (1) Ibram (1) ICOMOS (1) IDA (4) Ilhas Canárias (1) iluminação pública (7) impactos ambientais (9) impactos econômicos (6) impactos sociais (7) Itajubá (3) IYL2015 (15) José Cipolla Neto (1) LED (5) legislação (8) Londres (3) Los Angeles (1) Loss of the Night (3) Luz Cósmica (6) Mariana Figueiro (1) Mark Gee (1) MAST (1) Mauna Kea (1) melatonina (1) monitoramento (10) Mont-Mégantic (1) NASA (1) Natal (2) Nicholas Buer (1) Nova Iorque (2) novas tecnologias (1) obesidade (1) Olivia Huynh (1) OPD (13) orientações (5) Oriente Médio (1) pássaros (1) poluição luminosa (47) Pouso Alegre (1) Prêmio Nobel (1) projeto Tamar (1) Reino Unido (1) Rio de Janeiro (4) Rio+20 (1) Rothney Astrophysical Observatory (1) Santa Rita do Sapucaí (1) São Paulo (1) saúde humana (1) SciShow (1) semana de museus (1) simulação (2) SNCT2015 (2) SQM-L (2) Sriram Murali (1) tartarugas marinhas (1) Telluride (1) Thierry Cohen (4) UAI (2) UNESCO (1) vídeo (1) VIIRS (2) What you can do (1) WWF (1) Zijinsham Observatory (1)
Número de visitantes

Total de visualizações de página